Acusada de seqüestrar Pedrinho adia depoimento

Vilma Martins Costa, que é acusada de seqüestrar o garoto Pedrinho, não compareceu ao depoimento que daria hoje, segundo o Jornal Hoje, da Globo. O depoimento é parte do inquérito aberto para investigar se Roberta Jamile é mesmo filha dela ou foi seqüestrada de uma maternidade de Goiânia, em 1979. Vilma era esperada para o depoimento pela manhã, em Goiânia, mas ela alegou que teria de fazer uma cirurgia. A polícia informou que ela tem até segunda para apresentar o atestado médico comprovando a operação.

Agencia Estado,

27 de dezembro de 2002 | 14h10

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.