Acusado de matar irmão de deputado vai a júri em SP

O julgamento de Fábio Conigiero, acusado de envolvimento no assassinato do empresário Claudio Hanna Hiar, irmão do deputado estadual Alberto Hiar (PSDB), conhecido como Turco Loco, será realizado nesta segunda-feira, 6, no 1º Tribunal do Júri de São Paulo.O crime ocorreu em 2003, no escritório do empresário, localizado na região do Pari, no centro de São Paulo. Conigiero deveria ter sido julgado em julho, mas a ausência de uma testemunha de defesa, de acordo com o Tribunal de Justiça, adiou o júri. Na ocasião, outro acusado, Alexandre Alves Portes, foi condenado a 19 anos de prisão. Segundo a acusação, os matadores foram contratados por Issam Ate Sammour, que teve uma obra embargada pela prefeitura num terreno de sua propriedade após denúncia do empresário à prefeitura de que havia irregularidades na construção. Já denunciado pelo Ministério público, o suposto mandante não teve ainda marcada a data de seu julgamento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.