Acusado de matar remadora é indiciado

Com base em exame de DNA, a polícia indiciou e apresentou ontem Francisco Itamar Nonato Pedrosa, de 41 anos, como autor do estupro e assassinato da remadora do Flamengo Priscila da Silva Souza, de 26 anos, em dezembro. O ataque aconteceu num acesso ao Parque da Cidade, na Gávea, zona sul do Rio. Suspeito do crime, ele foi preso poucos dias depois do assassinato, ao ser reconhecido por uma mulher que também teria sido estuprada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.