Acusado de trotes pornográficos para a polícia é detido

Suspeito teria feito ao menos 3 mil ligações; pena pode chegar a até cinco anos de reclusão

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

05 de fevereiro de 2010 | 11h48

Foi preso na manhã desta quinta-feira, 4, no município de Viana, no Espírito Santo, Alexandre Santos Schreiber, de 20 anos, acusado de passar pelo menos três mil trotes pornográficos pelo telefone 190, do Centro Integrado Operacional de Defesa Social (Ciodes).

 

As investigações iniciaram em abril de 2009 pelo Núcleo de Repressão às Organizações Criminosas (Nuroc). Desde então, foram feitas pelo acusado três mil ligações, o equivalente a oito chamadas por dia, segundo o Ciodes.

 

Alexandre, que usava o nome de "Cassiano" quando passava os trotes para o call center do Centro Integrado, foi preso em sua residência. Com o acusado foram encontrados mais de 200 DVDs de conteúdo pornográfico, recortes de revistas, três celulares e vários chips que eram usados para os telefonemas.

 

O detido, que já tem passagem pela polícia por agressão à mãe, vai responder pelo crime de atentado contra a segurança de serviço de utilidade pública e poderá pegar pena de um a cinco anos de reclusão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.