Acusados passam por exame no IML antes da reconstituição

A delegada Cíntia Gomes, da Equipe C-Sul do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) já chegou à casa da Rua Zacarias de Goes, no campo Belo, onde será feita a reconstituição do crime de 31 de outubro. Os acusados, a Suzane Luise Richthofen, o namorado dela, Daniel Cravinhos, e o irmão dele Christian, foram levados ao Instituto Médico Legal (IML) para um exame de corpo-delito e estão sendo levados para o local. Segundo a delegada, ?a reconstituição servirá para dirimir as dúvidas resultantes dos interrogatórios dos acusados?.A delegada já pediu a prorrogação da prisão temporária dos jovens, que vence no próximo domingo. O irmão de Suzane, Andreas, também já está no local do crime.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.