Administrativos da PF paralisam atividades nesta quarta

Servidores querem que o governo envie ao Congresso Nacional uma proposta para reajustes salariais

Redação,

07 de maio de 2008 | 14h03

Os servidores administrativos do Plano Especial de Cargos da Polícia Federal vão paralisar as atividades nesta quarta-feira, 7, como forma de pressionar o governo a enviar ao Congresso Nacional, uma proposta de Medida Provisória com reajustes salariais da categoria.Segundo o Sindicato Nacional dos Servidores do Plano Especial de Carlos da Polícia Federal (SINPECPF), os funcionários vão se concentrar em frente ao edifício-sede da Polícia Federal, em Brasília, às 13h. De lá, seguirão para o Espaço do Servidor, ao lado do Ministério do Planejamento, na Esplanada dos Ministérios, e se juntarão a servidores de outras categorias que já possuem acordo fechado com o governo, mas que ainda não viram os novos vencimentos no contracheque.  Os administrativos da Polícia Federal, de acordo com o sindicato, esperam pelo reajuste salarial desde 2006, o mesmo que já virou realidade há muito tempo para integrantes de outras carreiras dentro da própria PF, como a dos agentes e delegados. 

Tudo o que sabemos sobre:
servidoresPolícia Federal

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.