Adolescente de 14 anos morre durante tiroteio em banda de carnaval no Rio de Janeiro

Segundo a PM, criminoso que participava de bloco deu início a troca de tiros ao perceber que seria preso

Solange Spigliatti - estadão.com.br,

20 Fevereiro 2012 | 08h27

Atualizado às 12h30

São Paulo, 20 - Um adolescente de 14 anos morreu e quatro pessoas ficaram feridas em um tiroteio na madrugada desta segunda-feira, 20, no Morro do São Carlos, região central do Rio de Janeiro. Uma pessoa foi presa.

Por volta das 3h30, policiais que estavam no Morro do São Carlos receberam uma denúncia de que Marcílio Cheru de Oliveira, o 'Menor Cheru', um dos criminosos mais procurados do Rio, participava de uma festa de carnaval numa rua da comunidade. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), a denúncia partiu de moradores do São Carlos.

Ao notar a presença dos policiais, Menor Cheru tentou fugir, mas foi preso. Para resgatar o comparsa, bandidos em duas motos se aproximaram disparando contra os policiais. O traficante acabou baleado na perna. Havia recompensa do Disque-Denúncia de R$ 2 mil para prendê-lo, segundo a SSP.

Durante o tiroteio, além de Menor Cheru, quatro pessoas foram baleadas. Uma delas, um menor de 14 anos, morreu depois de ser socorrido por policiais militares e levado para o Hospital Central da polícia Militar (HCPM). 

Por conta da troca de tiros, algumas pessoas jogaram material explosivo numa viatura policial, que foi totalmente incendiada. A polícia já abriu sindicância para apurar os detalhes da ocorrência e definir responsabilidades.

Mais conteúdo sobre:
Carnaval 2012

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.