Adolescente de 15 anos mata o pai com arma da PM

Depois de uma discussão familiar áspera, um adolescente de 15 anos matou o próprio pai, um policial militar, em casa, no Jardim Planalto Verde, em Ribeirão Preto. O garoto usou uma faca para golpear o pai pelas costas e o revólver calibre 38, pertencente à corporação, para disparar quatro tiros no peito da vítima. O menor confessou, foi encaminhado à Vara da Infância e da Juventude e, posteriormente, a uma unidade da Febem.A discussão que culminou no crime ocorreu após o adolescente ter saído com o carro do pai, sem autorização, e se envolvido num acidente de trânsito, numa rotatória. Na volta para casa, o pai, o PM Mário Silvestre Henrique, teria ameaçado o filho com um revólver - ele tinha um particular, calibre 32. O pai foi para o quarto e o garoto para a cozinha, onde pegou a faca. A mãe teria tentado separar a briga e ficou ferida num dos braços. O garoto tomou então o revólver 38 da PM, usado pelo pai, e disparou.O jovem fugiu no carro do pai, mas foi localizado e confessou o crime em depoimento. A polícia teve informações de que Henrique, recentemente, teria ameaçado o filho e a mulher de morte.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.