Adolescente diz ter matado irmã acidentalmente em MG

Vítima de quatro anos de idade foi socorrida, mas morreu antes de chegar ao hospital

Solange Spigliatti,

11 Janeiro 2010 | 09h41

Uma menina de 4 anos morreu neste domingo, 10, após ser baleada dentro de casa na cidade de Sabará, em Minas Gerais. O irmão da vítima, um adolescente de 15 anos, confessou ter atirado acidentalmente contra a criança, segundo a Polícia Militar.

 

Os agentes foram acionados para atender uma ocorrência no bairro Santo Antônio das Roças Grandes. No local, encontraram o pai da menina e o adolescente. Segundo a corporação, a mãe estava na igreja quando o disparo aconteceu.

 

O pai e o irmão da garota foram levados para a delegacia. Eles prestaram depoimento e o adolescente mostrou aos policiais onde teria escondido a arma.

 

A menina chegou a ser socorrida por uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas não resistiu e morreu a caminho do pronto-socorro .

Mais conteúdo sobre:
morte criança irmão MG

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.