Adolescente é agredido após assaltar idosa no Rio

Ao ser detido pelos pedestres, rapaz de 13 anos contou que seu pai foi morto a tiros e que roubar é sua 'única opção'

Fábio Grellet, O Estado de S. Paulo

07 de abril de 2014 | 19h59

RIO - Um adolescente de 13 anos foi imobilizado e agredido por pedestres após arrancar um colar de uma mulher de 68 anos no Flamengo, na zona sul do Rio, por volta das 17 horas desta segunda-feira, 7.

O rapaz tentou assaltar Celeste Monteiro na Rua Senador Vergueiro, mas foi detido por pessoas que testemunharam a ação. Imobilizado, ele apanhou até seus braços sangrarem. A Polícia Militar foi chamada e encaminhou o jovem ao hospital.

Segundo testemunhas, ao ser detido pelos pedestres, o adolescente contou que seu pai foi morto a tiros e que roubar é sua "única opção". Pessoas que tentaram evitar as agressões foram impedidas de intervir.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.