Adolescente é morto em rebelião em Recife (PE)

Tumulto na Fundação de Atendimento Sócio-Educativo (Funase) envolveu os cerca de 300 internos

Angela Lacerda - Agência Estado ,

28 Maio 2012 | 18h34

RECIFE - Uma rebelião na Fundação de Atendimento Sócio-Educativo (Funase), no município de Abreu e Lima, na região metropolitana de Recife, em Pernambuco, deixou um detento morto e um agente socioeducativo ferido, na tarde desta segunda-feira, 28. O tumulto teve início por volta das 15 horas e envolveu os cerca de 300 internos, com idades entre 15 e 17 anos.

Três agentes socioeducativos foram feitos de reféns pelos rebelados, que atearam fogo nas alas de convivência. A área administrativa foi poupada. Policiais da Tropa de Choque da Polícia Militar e bombeiros foram acionados e controlaram a situação em torno das 17 horas. O detento que morreu teria levado uma pancada na cabeça. A polícia investiga se a morte ocorreu em confronto com a tropa de choque. O agente da Funase foi atingido com uma pedrada na cabeça e foi socorrido para o Hospital Miguel Arraes, em Paulista, também na região metropolitana.

A direção da Funase não tinha informação sobre o motivo da rebelião. No dia 23, um tumulto registrado no local deixou três adolescentes e dois agentes feridos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.