Adolescente mata colega na escola no interior paulista

Depois de uma discussão que começou dentro da sala de aula, um adolescente de 17 anos matou, com um tiro na cabeça, seu colega de classe Paulo Sérgio Gonçalves, de 20 anos, dentro da escola estadual Antônio Carvalho Leitão, na noite de terça-feira, 18, em Presidente Epitácio, interior de São Paulo.Os dois assistiam a uma das aulas do curso de supletivo para o Ensino Médio, quando começaram a discutir e a brigar. Retirados pelo professor, eles continuaram brigando no corredor, quando o adolescente sacou um revólver e atirou em Gonçalves. Um tiro atingiu o rosto do estudante. Ele foi levado ao Pronto-Socorro, onde chegou sem vida.O menor fugiu com uma bicicleta de outro aluno, mas foi detido cerca de uma hora depois na casa de um tio. Na delegacia, ele disse que os desentendimentos com a vítima eram antigos, e que por se sentir ameaçado, comprou o revólver.O jovem está detido numa cela especial da delegacia de Presidente Epitácio e disse ainda ao delegado Donato Faria de Oliveira que depois do crime jogou a arma no rio Paraná a 300 metros da escola. Segundo informações da delegacia da cidade, os dois tinham passagens pela polícia por uso de entorpecentes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.