Adolescente morre afogado em piscina de clube em Divinópolis (MG)

Salva-vidas do local foi quem retirou o menino da água; congestão é uma das hipóteses para o óbito

Rene Moreira, Especial para o Estado

29 Dezembro 2012 | 15h08

FRANCA - Um garoto de 13 anos morreu afogado no final da tarde dessa sexta-feira, 28, na piscina de um clube em Divinópolis (MG). O salva-vidas do local foi quem retirou o menino da piscina e realizou os procedimentos de primeiros socorros até a chegada do Corpo de Bombeiros. Ele chegou a ser levado com vida para o Pronto Socorro, mas não resistiu.

De acordo com a polícia, o garoto Marco Túlio Osvaldo Moreira morreu vítima de uma parada cardíaca. Bombeiros contaram que ao chegarem no clube, localizado no bairro Belvedere, o salva-vidas estava realizando massagem no menino do lado de fora da piscina. Como a pulsação era baixa, o desfibrilador foi usado duas vezes antes de que ele fosse levado para atendimento médico.

Ainda não se sabe o que ocasionou esse quadro clínico. Testemunhas contaram que Túlio passou mal logo após entrar na água. Ele era frequentador assíduo do clube, no qual fazia parte da equipe de natação. Uma das possibilidades é que tenha almoçado e em seguida resolvido nadar, ocasionando uma congestão. Mas um laudo final deve sair somente com o fim das investigações e os resultados dos exames que foram realizados no corpo. A piscina onde ele nadava tem pouco mais de um metro e meio de profundidade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.