Adolescente mutilado por bomba caseira

O adolescente José Leonardo Cardoso, de 17 anos, perdeu parte de um dos braços após a explosão de uma bomba que ele mesmo fez. O acidente ocorreu por volta das 22h30 de ontem dentro da Escola Estadual Professor Antonio José Leite, em Vila Nova Cachoeirinha, zona norte de São Paulo. A polícia ainda não sabe dizer se a intenção do adolescente era mesmo acionar o explosivo dentro do colégio.O que se sabe é que o garoto manuseava a bomba quando ocorreu a forte explosão. Pessoas que passavam em frente à escola levaram a vítima até o pronto-socorro da Cachoeirinha, onde ele teve de amputar parte do braço direito. A irmã de Leonardo, Gabriela Cardoso, 16, disse à polícia que o irmão estuda em outra escola da zona norte e que o jovem é amigo de uma turma de baloeiros da região.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.