Adolescente pega carro do pai e atropela garoto de 12 anos

Um adolescente de 15 anos pegou o carro do pai para se divertir e provocou um grave acidente na noite de sexta-feira. O garoto Lucas Silva de Oliveira, de 12 anos, que estava em um ponto de ônibus na estrada do Campo Limpo, na zona sul de São Paulo, está internado em estado grave. Ele estava acompanhado da avó e do irmão, de 10 anos.Segundo o delegado Rogério Nunes Belelli, do 37º Distrito Policial, J.H. pegou o carro do pai, Pedro Carlos Gonçalves, de 43 anos, por volta das 21h25, para passear com os amigos. Cerca de 15 minutos depois, o adolescente dirigia o veículo quando um carro bateu no pára-choque traseiro. Ele iniciou uma perseguição, fez uma ultrapassagem forçada e perdeu o controle do carro, que atingiu Lucas a 70 quilômetros por hora. O menino foi atirado contra uma barra de ferro instalada na calçada e sofreu uma fratura no crânio. A avó e o irmão de Lucas não foram atingidos.Uma viatura da polícia, que passava no local, levou o garoto para o pronto-socorro do Campo Limpo. O adolescente que dirigia o carro foi detido. Ele não sofreu ferimento. Na delegacia, o pai e a mãe de J.H. contaram que, freqüentemente, o filho pedia para sair com o carro. Sete vezes eles cederam aos apelos do filho. Na noite do acidente, ele pediu autorização para ir de carro até a casa de um colega. Os pais se recusaram a emprestar o carro, mas ele disse que ia ouvir música e saiu sem o consentimento deles. Abalada, a mãe de Lucas ficou sob efeito de sedativos durante toda a tarde deste sábado.Para os amigos e vizinhos do menino, o dia foi de sofrimento e revolta. ?A justiça tem de ser feita. Esse rapaz cometeu um crime e tem de responder por ele?, disse Sílvia Regina Rodrigues, amiga da família de Lucas. O adolescente responderá por ato infracional e seu pai será multado por permitir a direção do veículo a alguém sem habilitação. J.H. foi liberado e voltou para a casa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.