AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Advogada é presa passando droga a detento

A advogada Fabiana de Souza Andrade, 26 anos, foi presa em flagrante no 1º Distrito Policial de Ribeirão Preto, quando tentava passar um pacote de salgadinho com quatro bolas de haxixe para um detento. Ela é advogada de Peterson Ferreira da Silva, um dos acusados da morte de um investigador do Departamento de Narcóticos (Denarc), ocorrida na cidade no mês passado. Fabiana acompanhava a namorada de Peterson, Roselaine Helena Campos, de 22 anos e Luziana Messias de Souza, de 20 anos. A Delegacia de Investigações Gerais (DIG), armou flagrante após, com autorização judicial, ter gravado conversas telefônicas da advogada. Fabiana teria negociado a compra e a entrega da droga a Peterson enquanto a DIG investigava o paradeiro de William Silva de Souza, outro participante do homicídio do funcionário do Denarc. A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Ribeirão Preto tentou livrar Fabiana do flagrante, mas não conseguiu. Ela ficará presa numa cela especial do 1º DP. Dois advogados tentariam, ainda nesta noite, conseguir a sua liberdade. "Ela é inocente e foi usada pelas duas moças" disse o presidente local da OAB, Luís Vicente Corrêa.

Agencia Estado,

13 de junho de 2001 | 20h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.