Advogado é preso por agredir perita do INSS em Florianópolis

A Polícia Militar de Florianópolis (SC) prendeu em flagrante o advogado J.N.M., 51 anos, por agressão contra a médica perita do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Priscilla Pires, 26, na quinta-feira, 5. O motivo seria o cancelamento da licença médica da mulher do agressor. M.J.S., 47 anos, é funcionária do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) e estava afastada do trabalho por conta de uma depressão. No entanto, a médica perita avaliou o caso e lhe deu alta.Após receber alta, ela foi até o escritório do marido para contar o que havia acontecido. A perda do benefício revoltou J.N.M, que foi até o posto do INSS e, depois de uma discussão, agrediu a perita.O advogado foi indiciado na Polícia Federal por coação e agressão, e, caso seja condenado, pode pegar até quatro anos de reclusão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.