Advogado reage a assalto e é morto

O advogado Giovani Faria Bernardo, de 40 anos, foi morto anteontem em Caraguatatuba, litoral norte paulista. Ele passeava de carro quando foi abordado por dois homens. Segundo testemunhas, um dos bandidos ordenou que ele saísse do carro, mas o advogado acelerou o veículo, provocando reação do assaltante. Bernardo levou dois tiros. Os assaltantes fugiRam.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.