Ivan Alvarado/Reuters
Ivan Alvarado/Reuters

AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Concessionária adia para às 22h previsão de funcionamento normal no aeroporto de Confins

Liberação total da pista estava prevista inicialmente para as 19 horas; avião que fez pouso de emergência permanece em um ponto da pista

Leonardo Augusto, Especial para O Estado de São Paulo

20 de dezembro de 2018 | 12h46
Atualizado 20 de dezembro de 2018 | 19h46

BELO HORIZONTE - A BH Airport, concessionária do Aeroporto de Confins, alterou de 19h para 22h desta quinta-feira, 20, a previsão para retorno do terminal ao funcionamento normal depois do pouso de emergência de avião da Latam, nesta madrugada. O terminal voltou a funcionar mas com restrições, no início da tarde. 

Por volta das 19h30, técnicos trocavam o trem de aterrissagem do aparelho, que permaneceu em trecho da pista depois da aterrissagem. Com isso, o aeroporto opera com restrição. Por conta do pouso, 141 voos foram cancelados. Ao longo do dia ocorreram 35 decolagens e 31 pousos, conforme atualização da concessionária feitas às 18h. 

Para o conserto da aeronave, a Latam Airlines Brasil em parceria com a Força Aérea Brasileira (FAB) informou que  está enviando uma aeronave Hércules com dois macacos hidráulicos e oito pneus. Ao todo são 6 toneladas de equipamentos para retirar a aeronave da pista do aeroporto de Confins.

Em nota, a Infraero afirmou que, "em virtude da impossibilidade das operações no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte/Confins (MG) nesta quinta-feira, disponibiliza o Aeroporto da Pampulha para que o fluxo de voos para a capital mineira não seja interrompido".

A estatal afirmou ainda, na nota, que "a utilização do Aeroporto de Pampulha como alternativa é decisão exclusiva das companhias aéreas", e que o terminal está preparado para receber aeronaves de grande porte, sendo certificado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), por meio da Portaria Nº 2.829, para o processamento de aeronaves da categoria "4C", que engloba, entre outros, os principais modelos de aeronaves em operação no país e no mundo, como o Airbus A320 e o Boeing 737".

O aeroporto da Pampulha fica a cerca de 10 quilômetros do centro de Belo Horizonte. Confins, a aproximadamente 40 quilômetros da capital. Em 2005, teve início operação para transferência de voos da Pampulha para Confins, que tinha elevada capacidade ociosa. O terminal da Pampulha, hoje, opera basicamente com voos dentro do estado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.