Marcopolo AeroGru/Divulgação
Marcopolo AeroGru/Divulgação

Aeroporto de Guarulhos: trem que conecta CPTM ao terminal terá capacidade para 200 passageiros

Veículos serão totalmente automatizados, sem a presença de motorista; previsão de entrega é no 1º semestre de 2024

Paulo Favero, O Estado de S.Paulo

30 de maio de 2022 | 20h27

A Rail, divisão de trens da Marcopolo, assinou o contrato com o consórcio AeroGru para a produção dos People Movers que irão transportar passageiros do Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, até a estação do metrô Linha 13 Jade, da CPTM.

A assinatura do contrato ocorreu em um evento realizado na sede da Marcopolo, com a presença do Ministro da Infraestrutura, Marcelo Sampaio. O encontro formalizou o fornecimento de três veículos Marcopolo Auster A-200, compostos por dois carros articulados, com capacidade de 200 passageiros e funcionamento autônomo (driverless). 

A fabricação dos modelos ocorrerá entre os meses de maio de 2022 e julho de 2023. Os veículos passarão por modernização das linhas externas, bem como novos acabamentos e layouts adequados à operação.

"A expertise de mercado da companhia, aliada à capacidade técnica de desenvolvimento e produção da Marcopolo Rail, garantirão a qualidade do fornecimento e ampliarão a capacidade de mobilidade de milhares de pessoas que fazem o trajeto diariamente", explica Petras Amaral Santos, gerente executivo da unidade de negócio Marcopolo Rail.

A construção do "Automated People Mover" está prevista para ser concluída no primeiro semestre de 2024. Os modelos de veículos começaram a ser fabricados neste mês e devem ser terminados em julho de 2023. Segundo a Rail, os veículos "passarão por modernização das linhas externas, bem como novos acabamentos e layouts adequados à operação".

Imbróglio

A estação final da Linha 13 Jade da CPTM foi inaugurada em 2018 quando a previsão inicial era para ser usada na Copa do Mundo de 2014. Só que ela não tinha uma ligação direta com os terminais, ou seja, os passageiros que usam o transporte coletivo ainda têm uma grande distância a percorrer até chegar ao aeroporto.

Depois de entregue, a operação dos trens será de 24 horas e haverá espaço nos vagões para acomodar as bagagens. Ainda trará informações sobre pousos e decolagens e terá wi-fi disponível.

O tempo de viagem estimado entre a estação e o Terminal 3, o mais distante, é de aproximadamente seis minutos - ele também vai parar nos terminais 1 e 2. A economia de tempo dos passageiros será grande, pois atualmente a ligação da estação da CPTM com o aeroporto é feita por uma linha circular de ônibus e leva cerca de 25 minutos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.