Aeroportos começam a tarde com menos atrasos nesta sexta

No começo da tarde desta sexta-feira, 6, os aeroportos do País tinham menos atrasos em relação ao período da manhã. Até às 14h40, o Aeroporto Internacional de São Paulo, em Cumbica, registrava o maior número de atrasos: sete, entre chegadas e partidas, de acordo com o site da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero). O aeroporto tinha 17 vôos cancelados, um índice muito superior ao verificado nesta sexta às 10 horas. Durante a manhã a Infraero registrou 7,7% de atrasos nos vôos em todo o País; até o começo da tarde, dos 976 vôos programados, 53 registravam atrasos, o equivalente a 5,4%, e 60 haviam sido cancelados. O terminal do Aeroporto de Congonhas, na zona sul da capital paulista, apenas o vôo da companhia Gol vindo de Porto Alegre estava fora de horário. Segundo o site, a aeronave deveria ter pousado às 13h50 mas foi confirmada para chegar apenas às 14h55. Segundo a Infraero, os outros aeroportos apresentavam situação mais tranqüila. Até às 14h40, o Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek, em Brasília, tinha um vôo atrasado e dois cancelamentos. Situação bem diferente da verificada hoje às 10 horas, quando 45 vôos estavam fora do horário e 29 haviam sido cancelados. O Aeroporto Tom Jobim (Galeão), no Rio de Janeiro, tinha apenas um vôo fora de horário: um vôo da companhia Gol vindo de Florianópolis estava previsto para chegar às 18h30, mas só chegaria ao Rio às 22h30. No Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, em Manaus, que também mostrou grande número de atrasos na manhã desta sexta, não registrava nenhum vôo fora do horário previsto às 14h40. O Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza, tinha três vôos atrasados às 10 horas e, de acordo com o site da Infraero, apresentava apenas um vôo atrasado. O Aeroporto Afonso Pena, em Curitiba, o Aeroporto de Florianópolis e o Aeroporto Internacional Salgado Filho, todos na região Sul do País, não registravam nenhum vôo fora de horário, até às 14h40, de acordo com o site da Infraero. Texto ampliado às 15h57.

Agencia Estado,

06 Abril 2007 | 15h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.