Aeroportos registram poucos atrasos neste sábado

O índice de atrasos nos aeroportos caiu neste sábado, 28, após uma sexta-feira de filas e tumultos, atribuídos pela Infraero às chuvas em São Paulo. Congonhas, que na sexta-feira teve 47% dos vôos atrasados, registrava índice de 23% às 12h20 deste sábado (24 dos 103 vôos). Com intenso movimento, o Aeroporto Tom Jobim, no Rio, contabilizava 11 vôos atrasados (20,3%), a maior parte deles da Gol. No Aeroporto Santos Dumont, apenas um vôo apresentou pequeno atraso, mas a situação já está normalizada. A Ponte Aérea não sofreu atrasos. De acordo com a Infraero, também no Galeão os horários de decolagens tendiam a se normalizar a partir do início da tarde. No Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, a manhã e o início de tarde foram de relativa tranqüilidade. Durante a manhã, houve uma movimentação maior, acima da média habitual, mas nada que impedisse o funcionamento adequado das operações do aeroporto. À tarde, o movimento era normal. A Infraero não informou o motivo dos atrasos em alguns aeroportos, mas atribuiu parte deles ao intenso movimento no primeiro dia do feriado prolongado. Na noite de sexta-feira, 27, os passageiros enfrentaram longa espera para conseguir embarcar, por conta do mau tempo. No Santos Dumont, onde o último vôo costuma partir por volta das 21h30, até o início da madrugada havia pessoas aguardando para viajar. Em alguns casos, a espera ultrapassou sete horas. No País, 152 dos 638 vôos programados para este sábado (23,8%) estavam atrasados em mais de uma hora - ante 31% na sexta. Ampliada às 16h20 com a situação em São Paulo e balanço nacional

Agencia Estado,

28 Abril 2007 | 13h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.