Aeroviários de Guarulhos aceitam aumento proposto pelas empresas do setor

Reajuste será de 6,5%, percentagem aceita também pelo sindicato de Pernambuco; resultado das assembleias de Porto Alegre e Campinas ainda é aguardado

Pedro da Rocha, do estadão.com.br,

22 de dezembro de 2011 | 20h00

SÃO PAULO - Os sindicatos dos aeroviários de Guarulhos e de Pernambuco aceitaram, em assembleias realizadas nesta quinta-feira, 22, o reajuste de 6,5% proposto pelas empresas do setor e não irão mais entrar em greve, informou a Federação Nacional dos Trabalhadores em Aviação Civil (Fentac). A Federação aguarda o resultado das assembleias de Porto Alegre e de Campinas.

 

Em audiência de conciliação entre patrões e empregados no Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo (TRT-SP), o presidente do Tribunal, havia determinado que pelo menos 80% dos trabalhadores estejam em atividade durante os feriados de Natal e Ano Novo (dias 23, 24, 29, 30 e 31 de dezembro). Essa medida havia feito a greve perder força.

 

Os aeroviários (profissionais que trabalham em terra nos aeroportos) do Estado do Rio de Janeiro, de Salvador e de Brasília entraram em greve às 17h30 desta quinta-feira, 22, por tempo indeterminado. As informações são da assessoria de imprensa do Sindicato Nacional dos Aeroviários.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.