Africanos clandestinos chegam a Santos em navio cipriota

Quatro viajantes clandestinos foram descobertos num navio de bandeira cipriota que chegou ao Porto de Santos. O cargueiro veio da África para carregar açúcar. Os africanos viajaram 11 dias sem se alimentar, ficaram desnutridos e tiveram de ser internados no Hospital Santa Clara, em Santos. O delegado da Polícia Federal, Antonio Vieira Hadano, afirmou que eles estavam escondidos no compartimento do leme e foram descobertos depois de uma inspeção da Vigilância Sanitária na embarcação. Os africanos ainda não foram ouvidos pela Polícia Federal, mas disseram à Vigilância Sanitária que um amigo deles teria morrido após se jogar no mar, ainda na África. O estado de saúde deles é regular. A previsão é que os imigrantes recebam alta num prazo de 10 dias. Neste ano, 10 viajantes clandestinos já desembarcaram em Santos. Em 2003, foram 26.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.