Agentes penitenciários de SP entram em greve

Os agentes penitenciários do Estado de São Paulo entraram em greve nesta terça-feira. A categoria prometeu manter apenas os serviços essenciais, como alimentação dos presos, cuidados médicos e cumprimento de alvarás de soltura. Também será preservada a guarda de muralha. Segundo o Bom Dia SP, da TV Globo, representantes do sindicato da categoria se reuniram ontem à tarde com representantes da Secretaria de Administração Penitenciária para discutir reposição salarial e plano de carreira. O comando de greve afirma que 30% dos agentes vão trabalhar durante a greve, que é por tempo indeterminado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.