Agentes penitenciários voltam ao trabalho no Rio

Os agentes penitenciários do Rio voltaram hoje ao trabalho, devido à decisão da Justiça que considerou a greve ilegal e à ameaça de corte de ponto por parte do governo do Estado. O presidente do Sindicato dos Servidores Penitenciários e Sócio-Educa tivos, Paulo Ferreira, informou a Agência Brasil que a categoria vai recorrer à Justiça contra a decisão de ilegalidade da greve. Segundo ele, na próxima semana deverá ser realizada uma nova assembléia. "Nós não temos medo de corte de ponto. Chegamos a um estágio de total descaso do governo, não suportamos mais", afirmou.Hoje de manhã, os agentes fizeram uma manifestação nas escadarias da Assembléia Legislativa. Eles reivindicam aumento de salário e maior segurança. A greve durou três dias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.