Agora, Câmara aprova texto que elimina restrição

A mesma Câmara que aprovou em primeira votação a ampliação do rodízio de veículos na capital votou a favor também da revogação da lei que instituiu a medida em 1997. O projeto é do vereador Adilson Amadeu (PTB). Os dois textos ainda precisam passar por mais uma votação, antes de seguir para a sanção do prefeito Gilberto Kassab."É um absurdo que as pessoas comprem seus carros e sejam podados de usufruir ", disse o parlamentar. Responsável pela implementação do rodízio estadual em São Paulo, Fábio Feldmann achou o projeto "ridículo". Especialistas em trânsito são unânimes em dizer que as restrições ao uso do automóvel são imprescindíveis em cidades como São Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.