Air France acelera substituição de sondas de aviões

A Air France divulgou ontem nota para informar que vai acelerar a troca de sondas de medição de velocidade das aeronaves de modelo Airbus A340 e A330 "sem pressupor uma ligação com as causas do acidente" do voo AF 447. Essas trocas foram iniciadas em 27 de abril deste ano por causa de incidentes de perda de informações anemométricas (medição da velocidade do vento) em voos em velocidade de cruzeiro a partir de maio de 2008. Esses problemas já haviam sido detectados em A320 e, em setembro de 2007, a Airbus recomendou a troca das sondas desses modelos. Posteriormente, os aviões de voos de longa distância apresentaram incidentes. "Esses eventos são analisados com a Airbus como decorrentes de fluxo de gelo nas sondas." No entanto, as panes desapareciam em minutos.Relatados os problemas técnicos, a companhia solicitou ao fabricante reunião para cobrar uma solução. A Airbus sugeriu a troca dos equipamentos. No primeiro trimestre deste ano, a Air France informou que "testes de laboratórios mostraram que a nova sonda poderia trazer uma melhoria significativa ao problema de gelo em altas altitudes em relação à sonda anterior".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.