Alagamentos e excesso de veículos complicam trânsito em SP

Os alagamentos provocados pela forte chuva que atingiu a capital paulista e o movimento intenso de veículos complicavam o trânsito no início da noite desta segunda-feira, 27. Às 18h30, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) registrou 159 quilômetros de congestionamento, índice bem acima da média para o horário, que é de 52 quilômetros. O trecho mais crítico estava na pista expressa da Marginal do Pinheiros, sentido Interlagos, onde o congestionamento era de 15,5 quilômetros, entre as pontes Jaguaré e Transamérica. Na via expressa da Marginal do Tietê, sentido Penha-Lapa, a lentidão era 7,5 quilômetros, entre as pontes Tatuapé e Casa Verde.Já nas pistas expressa e local da Marginal do Tietê, no sentido Lapa-Penha, o trânsito estava carregado por 7,5 quilômetros, entre as pontes Nova Fepasa e Limão.Alagamentos Dos 34 pontos de alagamento registrados na cidade durante o temporal, pelo menos quatro continuavam ativos e intransitáveis por volta das 18h45. Um deles ocupava os dois sentidos da Rua Clélia, junto ao Córrego Jeroaquara. Os motoristas também estavam impedidos de trafegar nos dois sentidos da Rua Joaquim Marra, altura da Avenida General Lamartine. Um outro alagamento intransitável ocupava os dois sentidos da Rua Trajano, junto à Praça Malvin. Os veículos ainda estavam impedidos de circular pela Avenida Antonio Munhoz Bonilha, próximo à Avenida Nossa senhora do Ó, em ambos os sentido da via.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.