Alckmin considera justa multa aplicada a Lula pelo TSE

O candidato presidencial da coligação PSDB-PFL, Geraldo Alckmin considerou, nesta sexta-feira, 18, importante a multa de R$ 900 mil aplicada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva."Além da multa, o importante é ressarcir o erário público. O governo não é eleito para fazer proselitismo e comparações com o governo anterior", declarou o tucano, em conversa com jornalistas, no Congresso, ao sair do gabinete do presidente nacional do PSDB, senador Tasso Jereissati (CE).O TSE avaliou que o candidato à reeleição ele fez propaganda eleitoral antecipada na cartilha ´Brasil, um país de todos´, publicada por órgãos do governo.A cartilha exalta obras do governo Lula e faz comparações entre sua administração e o governo do tucano Fernando Henrique Cardoso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.