Alckmin diz em nota que Lula é "fujão" por não ir a debate na TV Globo

O candidato da coligação PSDB-PFL à Presidência da República, Geraldo Alckmin, reagiu, nesta quinta-feira, à decisão do presidente e candidato à reeleição pelo PT, Luiz Inácio Lula da Silva, de não participar do debate desta noite na Rede Globo. Em nota oficial em seu site de campanha, o tucano diz: "Lula fujão evita debate para não ter de explicar escândalos" e classifica a atitude do adversário petista de "vergonhosa".A nota diz: "Lula não tem como explicar a seqüência de escândalos que envolvem seu Governo, como Waldomiro e os bingos, mensalão, vampiros, sanguessugas, ONGs da companheirada, cartilha de R$ 11 milhões que ninguém viu, e agora a armação de um dossiê fajuto para tentar prejudicar a campanha de Geraldo. Em todos os escândalos estavam envolvidos assessores diretos de Lula." E continua: "É uma vergonha. Mas esta é a realidade. O presidente do Brasil não pode aparecer em programas que visam esclarecer a opinião pública porque não tem como responder às perguntas."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.