Alckmin é acusado de inaugurar estrada incompleta

O presidente do Sindicato dos Condutores Autônomos de Veículos de Araçatuba, no interior de São Paulo, Sérgio Barsalobre, acusou hoje o governador em exercício Geraldo Alckmin (PSDB) de ter inaugurado a rodovia Euclides de Oliveira (SP-563), que liga Andradina a Pereira Barreto, sem a via estar concluída. De acordo com Barsalobre, a estrada não atende às normas de trânsito porque começou a funcionar sem as placas de sinalização.A rodovia foi liberada hoje ao tráfego por Alckmin. "O código nacional de trânsito é claro quando proíbe inauguração de rodovia não sinalizada", disse Barsalobre. Alckmin disse que desconhecia o fato e que investigaria os motivos da inexistência de placas naquele trecho.O diretor-regional do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), José Roberto Bachiega, afirmou que a pergunta da imprensa deveria ser apresentada por escrito ao escritório regional de Araçatuba para que, em 15 dias, fosse respondida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.