Alckmin: governo está pronto para enfrentar PCC

O governador em exercício Geraldo Alckmin (PSDB) disse hoje que o Estado está pronto "para qualquer tipo de confronto" com integrantes do Primeiro Comando da Capital (PCC), organização responsável pela última onde de rebelião em presídios paulistas. Alckmin classificou de "provocações vazias" as declarações feitas por integrantes do PCC ao Jornal da Tarde esta semana, afirmando que estavam melhor armados que a Polícia e que iriam partir para o confronto caso suas reivindicações não fossem atendidas. "Não vamos ceder ou negociar com o crime organizado" reiterou Alckmin.O governador esteve em Aparecida hoje à tarde para entregar viaturas policiais a municípios da região e participar de um encontro sobre a questão se segurança pública com prefeitos do Conselho de Desenvolvimento do Vale do Paraíba e Litoral Norte (Codivap).

Agencia Estado,

02 de março de 2001 | 16h14

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.