Alckmin inaugura Expresso que liga Guaianazes à Estação Luz

O governador Geraldo Alckmin (PSDB-SP) fez neste sábado a viagem inaugural do Expresso Leste da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), que atualmente faz a linha Brás-Guaianazes e passa a estender suas operações, a partir de segunda-feira, até a Estação Luz. O Projeto Integração Centro pretende ligar de forma mais veloz as regiões Leste e Oeste do Centro de São Paulo, além de proporcionar a integração direta com o Metrô. Por meio do Expresso Leste, implantado em maio de 2000, a viagem entre Brás e Guaianazes pode ser feita em 29 minutos.Para viabilizar o projeto, o governo do Estado investiu US$ 95,1 milhões, sendo que US$ 45 milhões foram financiados pelo Banco Mundial (Bird) e US$ 50,1 milhões de recursos diretos do Tesouro. A frota de trens espanhóis conta com ar-condicionado, bancos anatômicos e vidros com filtro solar. O governo, em breve, deverá estender o Expresso Leste até a Estação Barra Funda.Alckmin também fez neste sábado a entrega à população da Rua Mauá, próxima à Estação da Luz. O local estava interditado desde junho de 2001, período em que começou a construção do principal acesso subterrâneo de ligação das linhas CPTM com o Metrô. As obras vão permitir o acesso direto dos usuários do Metrô para a estação da Companhia. A conclusão desse projeto está prevista para junho do ano que vem e irá beneficiar 300 mil pessoas diariamente. Com a construção da Linha 4 do Metrô, a Estação da Luz vai se tornar o principal ponto de integração entre os sistemas da CPTM e o Metrô. As informações são do site do governo do Estado de São Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.