Alckmin sanciona lei para punição rápida de PM corrupto

A lei complementar que possibilita a demissão rápida de policiais militares acusados de corrupção ou crimes foi sancionada ontem pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB). Com a alteração, o tempo para tramitação de processos deve cair para 45 dias, podendo a conclusão ? após julgamento dos recursos e análise da defesa ? sair em seis meses. Leia mais no Estadão

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.