Alemã e brasileira detidas por tráfico de drogas

Foram presas na tarde de ontem, em Sãi Paulo, uma alemã e uma brasileira acusadas de tráfico internacional de drogas. O serviço reservado das Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota) recebeu denúncia de que em um flat na região da Bela Vista, área central da capital paulista, duas mulheres escondiam cocaína e que posteriormente levariam a droga para a Alemanha.Os policiais foram para o local, na Rua Martiniano de Carvalho, 1.010, e detiveram as duas mulheres quando estas preparavam-se para entrar em um táxi. A dançarina alemã, Melanie Wener, 20, e a garçonete brasileira, Selma Regina Batista, 29, iriam para o Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos. A droga, em forma de dois tijolos com cerca de 6,5 kg, estava no porta-malas do táxi. Sacos plásticos e uma colcha embalavam a droga para tentar anular o cheiro da cocaína.As mulheres também estavam com R$ 450,00 em dinheiro, 4 celulares, um cartão de entrada e saída da Polícia Federal, um cupom fiscal em branco, três passagens aéreas para a Alemanha e uma passagem de ônibus, além de roupas. A princípio Melanie disse que não sabia o que estava transportando, mas depois confessou que receberia 5 mil para realizar o transporte da droga. Selma receberia R$ 200,00 para acompanhar a alemã. A brasileira confessou que esta seria a quarta vez que acompanharia imigrantes no transporte de drogas.A dupla foi encaminhada para a 5ª Delegacia do Departamento de Investigações sobre Entorpecentes (Dise) do Departamento de Investigações sobre Narcóticos (Denarc), onde foram autuadas por tráfico internacional de drogas pelo delegado Fábio Guimarães.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.