Alencar defende fichamento de norte-americanos no País

O presidente em exercício, José Alencar, defendeu hoje a decisão da Justiça brasileira de fichar os norte-americanos que desembarcam no País. Na opinião de Alencar, essa medida "engrandece nossa democracia e dá condições para negociarmos na base da igualdade." Segundo o presidente em exercício, o Brasil merece atenção e respeito ao princípio de reciprocidade. Alencar reiterou que a decisão da Justiça não deve ser questionada, mas sim cumprida. Observou, porém, que cabe ao governo brasileiro encontrar uma solução que contemple o interesse nacional. "E eles (Estados Unidos) vão buscar o interesse deles", comentou. Alencar afirmou também que o assunto provavelmente foi tema da reunião desta madrugada dos presidentes do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, e dos Estados Unidos, George W. Bush . Eles se encontraram em Monterrey, no México. "Ainda não tenho notícias do desdobramento da reunião, mas o assunto deve ter sido discutido", disse o presidente em exercício que participou da abertura da 31º edição da Couromoda.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.