Alexandre é transferido para Tremembé

No começo da madrugada de ontem, Alexandre Nardoni foi transferido do Centro de Detenção Provisória 2 de Guarulhos, na Grande São Paulo, para um presídio em Tremembé, a 140 quilômetros da capital. A unidade já acolhe Mateus da Costa Meira, que matou três pessoas em um shopping em 1999, e os irmãos Daniel e Cristian Cravinhos. Alexandre ficará a 1 quilômetro de onde está sua mulher, Anna Carolina Trotta Peixoto Jatobá, presa desde o dia 8 na Penitenciária Feminina de Tremembé. Segundo a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP), ele ficará em "regime de observação", que prevê isolamento e restrição de visitas. Apesar de estar sozinho em cela especial, Alexandre convive com outros presos. A mudança para a penitenciária José Augusto César Salgado, conhecida como P2, acontece dois dias depois de os advogados enviarem um pedido à SAP e à Justiça para que ele fosse transferido. A defesa argumentou no documento que o pai de Isabella tem direito a prisão especial por ter curso superior de escolaridade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.