Alfândega apreende 49 contêneires de produtos de informática

A Alfândega do Porto de Santos informou ontem que apreendeu 49 contêineres com produtos de informática, avaliados em R$ 4,3 milhões. A carga pertencia a uma organização criminosa especializada em comércio exterior e que atua em vários países, usando empresas fantasmas, documentos falsos e a prática do subfaturamento. Ao todo, os fiscais aprenderam 83 contêineres de produtos de informática e eletro-eletrônicos da mesma quadrilha desde o ano passado, totalizando mais de R$ 20 milhões.Segundo a inspetora da Alfândega de Santos, Diva Kodama, "essa quadrilha, que tem ramificiações no exterior, sofreu um duro golpe com o desmantelamento das empresas de fachada a ela vinculadas". Ela informou que um grupo especial de fiscalização, que atua em todo o País, vem trabalhando desde o ano passado para desvendar a ramificação dessa organização criminosa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.