Alimentos lideram lista de roubo de cargas em SP

Pesquisa realizada pelo Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de São Paulo e Região (Setcesp) indica a ocorrência de 1.929 registros de roubo de cargas no Estado de São Paulo de janeiro a setembro de 2003. No período, os produtos mais roubados no Estado de São Paulo foram os alimentícios (593 registros), seguidos pelas cargas fracionadas (174) e produtos metalúrgicos (129). As rodovias com a maior incidência de roubos no Estado foram Anhangüera (125 casos), Dutra (47) e Régis Bittencourt (42).O total das cargas roubadas de janeiro a setembro de 2003 alcançou a soma de R$ 151,275 milhões, segundo o Setcesp. Em valores, o roubo de cargas deu às transportadoras de janeiro a setembro um prejuízo médio mensal de R$ 16,808 milhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.