Alunos começam ano letivo em salas de madeira

Os 210 alunos da Emef Maria Rita Lopes Pontes, no Jardim Madalena, zona sul, que por ordem do prefeito Gilberto Kassab seriam remanejados ontem para duas salas de alvenaria, voltaram às aulas em duas classes de compensado de madeira. O secretário municipal de Educação, Alexandre Schneider, reconheceu que se equivocou ao informar ao Estado, na quinta-feira, que três salas eram de lata. Apenas uma era do material, as outras são de madeira compensada. "Essa única sala de lata não seria utilizada em 2008, mas, por prudência, desmontamos no fim de semana", explicou. "As salas de compensado de madeira esquentam no calor, mas menos que as de lata."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.