Alunos da Estácio de Sá protestam contra violência

Cerca de 400 alunos da Universidade Estácio de Sá,no RioComprido, zona norte do Rio, estão protestando contra a direção da faculdade, que não mandou representante para debater com eles a questão da violência que ronda o câmpus. Eles exibem faixas pedindo mais segurança, com dizeres como ?Queremos estudar e não morrer? e ?Presidente Lula, salve nossas vidas?. Os alunos, que haviam planejadouma assembléia mas decidiram apenas pelo protesto, fecharam a Rua do Bispo, onde fica a instituição.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.