Americano é agredido por grupo de jovens em Florianópolis

Em entrevista, jovem tenta justificar a agressão; um dos acusados pagou fiança de R$ 3,8 mil e foi liberado

Rafael Carvalho, de O Estado de S. Paulo,

21 de dezembro de 2007 | 18h12

O turista americano Jeremy Klein, de 25 anos, foi agredido por três jovens na saída de uma casa noturna de Florianópolis, na madrugada de quinta-feira, 20, e acabou levando 20 pontos na cabeça. Segundo a Polícia Civil da capital catarinense, a justificativa apresentada pelos garotos para explicar as agressões foi a nacionalidade do turista. "Esses americanos vêm pra cá e acham que estão em casa", declarou um dos jovens, em entrevista para uma TV local. O estudante Bruno Fernandes, um dos agressores, foi preso em flagrante por dirigir embriagado, após bater seu carro em uma praça do centro da cidade, mas pagou fiança de R$ 3,8 mil e foi liberado. Um taxista, que ajudou o turista americano a se defender, perseguiu os agressores pelas ruas da capital e acionou a polícia. No carro foram encontradas garrafas de uísque, tequila e latas de energético. O americano declarou acreditar que a agressão foi um caso isolado.

Tudo o que sabemos sobre:
agressãoFlorianópolis

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.