Amigos do filho de Cissa reafirmam em velório que carros tiravam racha

'Nós vimos os dois carros passando no sentido que estava aberto, para a Barra (da Tijuca, zona oeste). Eles estavam em alta velocidade, sim', disse Luiz Quinderé, de 19 anos

Talita Figueiredo - O Estado de S. Paulo

21 de julho de 2010 | 14h15

Na foto, da esquerda para a direita, o irmão de Rafael, Thomaz Velho, e os dois amigos que estavam juntos na hora do acidente, João Pedro Gonçalves e Luiz Quinderé

 

RIO - Os dois amigos do estudante Rafael Mascarenhas, de 18 anos, que estavam andando de skate com o rapaz dentro do túnel Acústico, na Gávea (zona sul), pouco antes de ele ser atropelado e morto na madrugada desta terça-feira, afirmaram há pouco que o motorista do Siena preto que atropelou Rafael disputava um "racha" com os ocupantes do outro carro, um Honda Civic.

 

Veja também:

link PM afasta agentes que liberaram motorista que atropelou filho de Cissa Guimarães

link Motoristas confessam atropelamento, mas negam racha

 

"Nós vimos os dois carros passando no sentido que estava aberto, para a Barra (da Tijuca, zona oeste). Eles estavam em alta velocidade, sim. Estavam batendo pega", disse Luiz Quinderé, 19 anos, no velório do estudante que está sendo realizado no cemitério Memorial do Carmo, no Caju (zona norte). Ele contou que os amigos costumavam andar de skate no túnel quando estava fechado para manutenção.

 

O irmão mais velho de Rafael, Thomaz Velho, reconheceu que o estudante estava fazendo uma coisa errada, mas disse que espera punição ao responsável pela morte. "Foi uma história linda a do meu irmão. Ele era uma pessoa linda e adorada por todos. É triste, mas eu, particularmente, acho que a vida não é só feita de coisas maravilhosas, tem dramas e este é um drama na nossa vida", disse.

 

Vários artistas estiveram no velório demonstrando solidariedade à atriz Cissa Guimarães, mãe de Rafael, que chegou ao cemitério por volta das 11h muito abatida e não deu declarações. Entre os amigos, estiveram no velório os atores Miguel Falabella, Maitê Proença, Cláudia Gimenez e Marília Pera, além do diretor da TV Globo, Boninho, entre outros. Segundo parentes, o pai de Rafael perdeu o voo que o traria da Itália e só deve chegar ao Brasil nesta quinta-feira.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.