Anac rejeita pedidos de impugnação e mantém leilão

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) não acatou nenhum pedido de impugnação do edital do leilão dos aeroportos de Guarulhos (SP), Viracopos (SP) e Brasília (DF) e negou os pedidos de adiamento do certame, divulgou a agência em seu site nesta terça-feira.

LEONARDO GOY, REUTERS

31 Janeiro 2012 | 19h46

Desta forma, está mantida a data de 6 de fevereiro para a realização do leilão.

A Anac havia recebido cinco pedidos de impugnação do edital e dois pedidos para adiar o leilão, um da CCR e outro da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC).

Nessa quarta-feira será a vez de o Tribunal de Contas da União (TCU) dar sua palavra final sobre o edital. Se o tribunal der seu aval, na quinta-feira os investidores deverão entregar as propostas na sede da BM&FBovespa, em São Paulo, e confirmar a participação na disputa.

A Reuters apurou que há pelo menos 11 consórcios sendo formados para disputar as concessões, todos reunindo operadores internacionais de terminais -como estipula o edital- e empresas brasileiras, principalmente construtoras e concessionárias de rodovias.

O governo aposta na concessão dos aeroportos para viabilizar os investimentos necessários para preparar os aeroportos para a Copa do Mundo de futebol de 2014.

Mais conteúdo sobre:
AEREAS AEROPORTOS ANAC*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.