Andarilho acusado de matar sete crianças é julgado

Acusado de cometer pelo menos sete crimes contra crianças no interior paulista, o andarilho Laerte Patrocínio Orpinelli, de 49 anos, começou a ser julgado hoje no Fórum de Monte Alto. É o primeiro julgamento dele desde que foi preso, em Rio Claro, em 1998.Em Monte Alto, Orpinelli confessou ter assassinado Edson Silva de Carvalho, de 11 anos, em maio daquele ano. O menino desapareceu em 26 de maio e seu corpo foi localizado cinco dias depois. O julgamento deve terminar na madrugada desta quinta-feira.O corpo de Edson Carvalho foi encontrado decapitado numa casa abandonada. A maioria dos inquéritos contra Orpinelli foi encaminhada ao Departamento de Homicídios de Proteção à Pessoa (DHPP), em São Paulo. Orpinelli está preso na penitenciária 2 de Itirapina.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.