Anhangüera-Bandeirantes terá pedágio bidirecional

Os motoristas de veículos comerciais (ônibus e caminhões) passarão a pagar tarifa de pedágio nos dois sentidos (cobrança bidirecional) do sistema Anhangüera-Bandeirantes a partir de março. Segundo a AutoBAn, concessionária que administra o sistema, pela nova sistemática o valor da atual tarifa de R$ 5,40 por eixo será dividido ao meio, ou seja, R$ 2,70 no sentido Interior e R$ 2,70 no sentido Capital. Para os veículos de passeio, a cobrança de pedágio continuará apenas no sentido capital-interior.Ao todo serão implantados quatro pontos de cobrança bidirecional. Na rodovia Bandeirantes, eles estão localizados nos quilômetros 36 e 77, nas proximidades dos municípios de Caieiras e Itupeva respectivamente. Na Anhangüera, as praças de pedágio estão situadas nos quilômetros 26 (São Paulo) e 81 (Valinhos). De acordo com a AutoBAn, as obras de readequação das praças de cobranças estão adiantadas.A medida a ser implantada atende a uma antiga reivindicação dos transportadores de cargas e dos caminhoneiros e também faz parte de acordo firmado em agosto de 1999, entre o governo do Estado e entidades que representam as categorias. Com a cobrança bidirecional, os caminhoneiros e motoristas de ônibus irão pagar a tarifa somente no trecho percorrido.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.