Aniversário de SP com música e arte

Shows ocorrem no Parque da Independência e no Anhangabaú

Mônica Cardoso, O Estadao de S.Paulo

23 de janeiro de 2009 | 00h00

São Paulo comemora 455 anos de fundação no domingo, mas é o morador da maior metrópole do País quem ganha presentes. São inúmeros eventos culturais e esportivos programados para o fim de semana com muitas atrações gratuitas. São shows, exposições, caminhadas, bicicletadas, peças, saraus e passeios de trólebus pelo centro.No Vale do Anhangabaú, ocorre uma minivirada cultural. São mais de 60 artistas em mais de 30 horas de shows. Entre as atrações estão Seu Jorge, CPM 22, Natiruts, Almir Guineto, Quinteto em Branco e Preto, Matheus & Cristiano e Diogo Nogueira. Haverá ainda tendas de prestação de serviço, oficinas e bailes para a terceira idade. Para as crianças, haverá planetários e brinquedos.Outro grande show gratuito será realizado no Parque da Independência, no Ipiranga, zona sul. Daniela Mercury, Lulu Santos, Toni Garrido, Roberta Sá, Celso Fonseca, Paula Lima e Ana Cañas marcarão presença. A apresentação vai contar com a participação especial do maestro João Carlos Martins. Os artistas vão se apresentar em duetos, interpretando músicas do parceiro. No Sesc Pompeia, com ingressos a preços populares, o show será Sotaques Paulistas, com paulistanos e quem escolheu morar na cidade. A mistura terá músicas e etnias da banda paulistana Karnak, do maranhense Zeca Baleiro, da italiana Mafalda Minnozzi, da portuguesa Suzana Travassos, dos tambores japoneses do Himawari Taiko e da voz de Fortuna, cantora de origem judaica. Para quem prefere conhecer melhor a metrópole, há passeios guiados pelos pontos históricos do centro, passando pelo Teatro Municipal e Catedral da Sé. Todos são gratuitos e o participante só tem de escolher o horário e o meio de transporte: a pé, de van, de motocicleta, metrô ou de trólebus. Para quem prefere a bicicleta, no domingo bem cedinho, ciclistas se encontram na Estação Vila Madalena do Metrô para um café da manhã e um tour até o Estádio do Pacaembu, onde darão uma volta olímpica. Para garantir a segurança dos participantes, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) vai isolar todo o trajeto. Na Avenida Paulista, a Casa das Rosas promoverá um sarau em homenagem ao compositor paulista Paulo Vanzolini. Para apreciar detalhes da cidade que passam despercebidos, a mostra São Paulo a Lápis apresenta 15 desenhos do artista Marcelo Senna, na Caixa Cultural. Além de prédios e avenidas famosas, como a Paulista e a Rua da Consolação, há desenhos de um pôr-do-sol refletido no concreto. Como comemoração ao Ano Paulino e ao primeiro ano em que o patrono da cidade é o mesmo da Arquidiocese de São Paulo, haverá uma missa especial na Catedral da Sé, marco zero da cidade, no domingo. PROGRAMAÇÃOParque da Independência: Daniela Mercury é uma das atrações do Telefonica Trio Tons, que começará no domingo às 16 horas. Toni Garrido, Roberta Sá, Paula Lima, Ana Cañas e Orquestra Arte Viva também se apresentamCentro: O Edifício Altino Arantes,antigo Banespão, vai abrir excepcionalmente no domingo. O mirante fica no 35.º andar e permite ver muitos dos cartões-postais da cidade a até 40 km de distância. A visita, das 10 às 17 horas, é gratuitaTour: Ônibus para visitar obras de Niemeyer, como o Edifício Montreal, partirão do Museu da Casa Brasileira (Av. Faria Lima, 2.705), sábado e domingo, às 10h e às 15hZona oeste: Às 9h de domingo, ciclistas sairão da Estação Vila Madalena do Metrô e seguirão até o Estádio do Pacaembu, onde darão uma volta olímpicaPraça da Sé, 111: A Caixa Cultural apresenta a mostra São Paulo a Lápis. São 15 desenhos de pontos históricos e situações típicas da metrópole (na foto, a Av. Paulista). Das 9h às 21hAv. Paulista, 37: No domingo, a partir das 15h, o sarau Chama Poética, na Casa das Rosas, homenageará a cidadeVale do Anhangabaú: O cantor Seu Jorge é uma das atrações do espetáculo que vai durar mais de 30 horas no centro da capital. O evento começa às 15h de sábadoPinheiros: Às 11h de domingo, o maestro João Carlos Martins rege a Orquestra Bachiana Jovem. A apresentação, gratuita, será na Praça Victor Civita, na Rua Sumidouro, 580 Centro Cultural São Paulo: No sábado, a partir das 19h, o grupo Tribo de Jah, formado por cinco deficientes visuais, faz show gratuito na Sala Adoniran Barbosa. Rua Vergueiro, 1.000, Paraíso

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.