Ao menos 23 detentos fogem de penitenciária do Paraná e outros dois teriam sido mortos

Segundo o Departamento Penitenciário do Estado, detentos explodiram um muro da casa de custódia para fugirem

Márcio Rodrigues, O Estado de S. Paulo

15 Janeiro 2017 | 11h11

Ao menos 23 detentos fugiram do Complexo Penitenciário de Piraquara, na região metropolitana de Curitiba, neste domingo (15), segundo informações da Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná citadas pela GloboNews. Além disso, outros dois presos teriam sido mortos durante a tentativa de fuga.

De acordo com a diretoria do Departamento Penitenciário (Depen) do Paraná, os detentos explodiram um muro da casa de custódia para fugirem. Agora, a polícia do Estado trabalha na busca pelos fugitivos, com barreiras e abordagens a veículos suspeitos.

O complexo de Piraquara é composto por duas unidades prisionais. A Penitenciária Estadual de Piraquara 1 (PEP 1) é de segurança máxima, com capacidade para 723 presos condenados. Já a Penitenciária Estadual de Piraquara 2 (PEP 2) tem 960 vagas. Juntas, somam 1.683 vagas.

Mais conteúdo sobre:
Curitiba Piraquara

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.