Ao menos 37 foram presos por fraude no Detran/RJ

Operação tem como objetivo cumprir 45 mandados de prisão e 44 de busca e apreensão

Solange Spigliatti, do estadão.com.br,

23 Novembro 2011 | 09h44

SÃO PAULO - Operação da Policia civil do Rio prendeu nesta quarta-feira, 23, 37 pessoas, entre funcionários do Departamento de Trânsito (Detran) do Rio e prestadores de serviços.

A quadrilha é acusada de fraudar o sistema de informações do Departamento de Trânsito (Detran), no Rio. As prisões ocorreram durante a Operação Direção Oposta, que tem o objetivo de cumprir 45 Mandados de Prisão e 44 Mandados de Busca e Apreensão contra funcionários e prestadores de serviço dos Postos de Vistoria do Detran/RJ.

Segundo o Ministério público do Rio, 66 pessoas foram denunciadas pelos crimes de corrupção passiva, inserção de dados falsos no sistema de informações do Detran/RJ, falsidade ideológica, peculato e formação de quadrilha. Participam da operação seis delegados, cinco Promotores de Justiça e mais de 200 agentes da Polícia Civil, do Grupo de Apoio aos Promotores de Justiça (GAP) do MPRJ e da Corregedoria do DETRAN/RJ.

Texto atualizado às 13h44

Mais conteúdo sobre:
detran operação apreensão

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.